Destaques

TítuloRibeiros inaugura Centro de Convívio
810 6082a
Data de Publicação2019-01-08 00:00:00 +0000
Sub-título
Descrição

A freguesia de Ribeiros, em Fafe, dispõe agora de um Centro de Convívio, o 'Cantinho dos Avós', destinado à população sénior. Na inauguração, que decorreu na passada sexta-feira, Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, destacou a importância destes espaços para a promoção de um envelhecimento ativo e saudável.

Este é já o 13º Centro de Convívio que inauguramos nos últimos quatro anos. Enquadra-se num projeto maior que o Município tem vindo a desenvolver que implica a criação de condições para que cada freguesia tenha um espaço dedicado aos seus idosos. É uma obrigação pública, preocupar-nos com aquelas pessoas que são mais frágeis e têm menor poder reivindicativo. Os seniores, ao fim do seu percurso de vida, por limitações próprias do ser humano que não permitem ter tantas condições físicas para uma vida ativa, precisam dos cuidados dos poderes políticos.”

O edil destacou ainda a parceira com a equipa UNIR da Cruz Vermelha, responsável pela dinamização dos centros de convívio no concelho, apelando a que “os seniores deem sugestões sobre aquilo que querem fazer durante o dia. Queremos que este Centro de Convívio seja um espaço livre e descontraído e não um depósito de pessoas.”

José Novais, Presidente da Junta de Freguesia de Ribeiros destacou este “como um dia feliz para a freguesia de Ribeiros, para a junta de freguesia e para os ribeirenses. Há um ano, lançámos este desafio à ARSAF de criar um centro de convívio e hoje, abrimos portas, a esta instituição.

Uma palavra de esperança à ARSAF, pois este é um inicio de outro projeto maior: talvez um dia consigamos ter aqui instalado um lar. Eu sei que são pessoas capazes, dedicadas e tenho esperança que um dia esse sonho seja concretizado.”

Na ocasião, Valdemar Novais, Presidente da ARSAF, Associação Ribeirense de Solidariedade Social e Apoio à Família, referiu que “somos uma freguesia rural, com uma população cada vez mais envelhecida e onde os reformados atingem já cerca de 30 % da população residente. A ausência de atividades neste fase provoca sentimentos de solidão e isolamento. Os centros de convívio têm precisamente como objetivo contrariar esta tendência, enquanto procuram áreas de interesse e lazer para este público. A ARSAF tem como meta a implantação no terreno de respostas sociais e de necessidades prementes dos habitantes desta freguesia.”

Recorde-se que este Centro de Convívio funciona no primeiro piso da Junta de Freguesia, de segunda a sexta-feira, das 14h00 às 17h30.
 

 

 

Powered by: TextoVirtual.com