Destaques

Título Secretário de Estado da Economia visita Fafe
810_8076a
Data de Publicação 2019-02-13 00:00:00 +0000
Sub-título Governante ouve as preocupações das empresas têxteis da região do Vale do Ave
Descrição

O Secretário de Estado da Economia, João Neves, esteve, esta manhã, em Fafe para visitar a empresa Gravotêxtil, no âmbito de uma ação de contacto com o setor têxtil e vestuário da região do Vale do Ave.

O Governante explicou no momento que “Estas visitas servem para ver os aspetos positivos das empresas, bem como conhecer as dificuldades. Na nossa história da indústria têxtil já muitos vaticinaram que ela iria desaparecer e, hoje, percebemos que as empresas conseguiram encontrar soluções, mudar o que era preciso mudar, ser competitivos. E aquilo que desejamos é também isso: encontrar novas soluções agora que os mercados estão a mudar. Conversar sobre os problemas é também conversar sobre as soluções que podemos ter, o que é fundamental.”

Sobre o que viu em Fafe, João Neves, revelou que a Gravotêxtil “é uma empresa bem organizada, com capacidade de construir as soluções que o mercado exige. Presta um bom serviço, de qualidade, faz bons investimentos e acompanha aquilo que são as tendências da evolução industrial tornando-se, por isso, competitiva.

Num mundo globalizado como o que vivemos, não é simples manter a qualidade de serviço e responder às necessidades do mercado, valorizando aquilo que é feito. Esta empresa é um bom exemplo do que é necessário fazer. As empresas que têm mais dificuldades devem fazer um percurso assim, que as permita ser mais sólidas, ter capitais próprios mais fortes, encontrar os clientes mais ajustados e encontra soluções.”

O Governante falou ainda a propósito do decréscimo com o Grupo Inditex.

A Inditex tem feito um percurso da diminuição das compras em Portugal que já não é de agora. Desde 2016, que vimos sentindo esse decréscimo.

Apesar destas diminuições, as empresas têm conseguido encontrar soluções, o que é muito importante. Temos que ter consciência que sempre que estamos dependentes de apenas um cliente, os problemas aparecerão algum dia. É fundamental que as empresas encontrarem soluções noutros clientes de dimensão e que isso se faça com alguma tranquilidade.”

Ramiro Ferreira, representante do Grupo Gravotêxtil, empresa sediada no concelho há 30 anos e com cerca de 180 colaboradores, revelou que “Estas visitas são muito boas, porque, apesar de os municípios terem departamentos que estão em contacto com as empresas do concelho, é importante que a tutela venha ao terreno perceber o que se passa.

E esta visita foi interessante porque tentamos fazer ver ao Secretário de Estado a preocupação que sentimos relativamente à produção para o Grupo Inditex. Estamos a ficar pouco competitivos e, por isso, apelamos ao Governo que nos ajude neste sentido, tentando diminuir alguns custos de produção, como a energia ou a água.”

Esta zona vive essencialmente do têxtil e é importante rever esta situação. A maior parte dos nossos funcionários são de Fafe e, por isso, é outra preocupação e questão que temos que assegurar.”, alertou.

Parcidio Summavielle, Vice Presidente da Câmara Municipal de Fafe, começou por “agradecer ao Secretário de Estado esta visita e à Gravotêxtil por tão amavelmente nos ter recebido. Tudo o que podemos fazer para ajudar os nossos empresários é pouco. Nós precisamos que o tecido  produtivo seja forte. Como sabem, estamos a fazer grandes investimentos nesta área, com o Nó de Arões e Zona Industrial de Regadas.

Claro que há alguns constrangimentos que não podemos ser nós a resolver, mas há coisas que podemos ajudar. Foi bom termos ouvido algumas destas questões para perceber o que também a Câmara pode fazer para ajudar estes empresários, pois sabemos que apoiando as empresas, estamos também a ajudar Fafe e a população de Fafe.

É fundamental que o Governo faça este caminho que hoje se fez aqui, de contacto com as empresas, no terreno.”

Powered by: TextoVirtual.com